Notícias de Última Hora

Monitoramento de celulares não é ‘invasão de privacidade’, diz Doria

“Não há nenhuma invasão de privacidade”, diz o governador de SP

Imagem: Divulgação/Governo de São Paulo
O governador João Doria defendeu, nesta terça-feira (14), que as companhias telefônicas continuem usando dados dos celulares da população para monitorar o índice de isolamento social no estado de São Paulo.

Em entrevista coletiva, no Palácio dos Bandeirantes, Doria declarou:

“Não há nenhuma invasão de privacidade. Há todo respeito a isso. Por óbvio, as operadoras de telefonia celular são empresas multinacionais que seguem critérios rigorosos de ética, compliance e respeito pelos seus assinantes.”


Enquanto isso, o posicionamento do governo federal sobre esta pauta é outro completamente diferente.

De acordo com o ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, o presidente da República, Jair Bolsonaro, pediu “cautela” na utilização deste tipo de tecnologia.

“Assim, na verdade, reforço que o Governo Federal ainda não usou esta ferramenta e que será usada apenas se análises garantirem a eficiência e a proteção da privacidade dos brasileiros”, disse Pontes.

Fonte: Renova Mídia