Notícias de Última Hora

Governo do Estado de São Paulo Decide Abolir Menção a Era Cristã no Material Didático

O argumento apresentado é que denominação original refere-se ao ano de nascimento de Jesus Cristo, e como nem todas as pessoas são cristãs, a denominação deve ser substituída por uma neutra

Governador de São Paulo, João Doria - Foto: Roberto Casimiro / Agência O Globo
A Secretaria de Educação do Estado de São Paulo, que tem como o seu mandatário, o governador João Dória, (PSDB), decidiu abolir a menção a Era Cristã em seus materiais didáticos. As denominações A.C. (antes de Cristo) e D.C. (depois de Cristo) que aparecem em livros de história passam agora a ser substituídas por a.E.C. e por E.C. indicando, respectivamente, antes da Era Comum e Era Comum.


O argumento apresentado é que denominação original refere-se ao ano de nascimento de Jesus Cristo, e como nem todas as pessoas são cristãs, a denominação deve ser substituída por uma neutra.

Esse argumento estúpido reflete um tipo de secularização presente nos estudos de história que ignora o fato de o ano do nascimento de Jesus Cristo ter sido um fato de relevância para toda a humanidade, o que ficou evidenciado pelo largo uso da denominações antes de Cristo e depois de Cristo ao longo de séculos.

O uso destas denominações indica, portanto, não um exercício e apologia religiosa, mas o reconhecimento da relevância de um fato histórico. A decisão da Secretaria de Educação do Estado de São Paulo de fazer esta mudança reflete assim muito mais uma opção ideológica do que rigor científico historiográfico.




Por Gleyson Araujo, com informações do site Crítica Nacional