Notícias de Última Hora

Criança tem cabeça arrancada durante o parto na Santa Casa no Pará

A família denuncia que a equipe médica do hospital forçou um procedimento normal, ao invés de proceder com a cesariana

Foto: Reprodução
O parto de uma criança terminou em tragédia na manhã desta sexta-feira, 16, na Fundação Santa Casa de Misericórdia, em Belém. Um bebê teve a cabeça arrancada no momento do parto. A família denuncia que a equipe médica do hospital forçou um procedimento normal, ao invés de proceder com a cesariana.

A mãe da criança foi transferida para Belém com 8 meses de gestação. Ela permaneceu internada na Santa Casa e por orientação do médico que acompanhava a paciente, o parto deveria ser cesariana. Familiares também relataram que a jovem fez todos os exames necessários antes do parto e não foi detectada nenhuma anormalidade com a criança que pudesse interferir em seu nascimento.

O governador do estado, Helder Barbalho, se manifestou nas redes sociais, afirmando que mandou afastar todos os envolvidos no atendimento à gestante. O caso está sendo apurado pela Polícia Civil.

Em nota, a Fundação Santa Casa de Misericórdia se manifestou sobre o caso:

"A Santa Casa do Pará lamenta profundamente o ocorrido na manhã deste sábado, 17. A instituição informa que a gestante vinda de Ourém recebeu atendimento da equipe assim que deu entrada. Por conta de ser prematuro e de múltiplas deformações fetais e apresentar tecido amolecido, foram realizadas diversas manobras para a retirada do mesmo, ainda assim houveram complicações na extração fetal. A Santa Casa do Pará está dando todo apoio à família e já abriu uma investigação para tomar as devidas providências internas para apurar todo o ocorrido durante o atendimento."

Fonte: Roma News