Notícias de Última Hora

Facebook e Twitter serão intimados pelo Senado dos EUA após censura

Os líderes do Comitê Judiciário do Senado pretendem intimar chefões das gigantes tecnológicas


Os senadores republicanos Ted Cruz, Lindsey Graham e Josh Hawley defenderam, nesta quinta-feira (15), a intimação dos chefes do Facebook e do Twitter para explicar a censura contra reportagem do jornal New York Post. As informações são do site Renova Mídia

O tradicional jornal norte-americano revelou e-mails que reforçam a existência de um suposto caso de tráfico de influência envolvendo a família do ex-vice-presidente Joe Biden, candidato do Partido Democrata na corrida pelo comando dos Estados Unidos.

O senadores disseram que a formulação de uma intimação estava em andamento. Enquanto isso, a revolta segue aumentando contra as plataformas de mídia social pela censura contra o NY Post.


Os líderes do Comitê Judiciário do Senado anunciaram que pretendem intimar Jack Dorsey, CEO do Twitter, a testemunhar perante o comitê na próxima sexta-feira, 23 de outubro.

O senador Hawley disse esperar que o comitê também vote para intimar o CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, segundo informações da Fox News.


“Isso é interferência eleitoral e estamos a 19 dias de uma eleição”, disse o senador texano Ted Cruz.

“Não tem precedentes na história da democracia. O Comitê Judiciário do Senado quer saber o que diabos está acontecendo”, acrescentou.