Notícias de Última Hora

Padre é flagrado fazendo sexo a três em altar de igreja

No local, foram encontrados brinquedos sexuais, iluminação de palco e um celular montado em um tripé gravando tudo. O religioso foi preso

O padre Travis Clark, de 37 anos, foi preso por obscenidade e deverá ser afastado do sacerdócio (Reprodução portal Pragmatismo Político)
Um escândalo envolvendo um padre da Igreja de São Pedro, em Nova Orleans (USA), deixou a comunidade católica estarrecida. O religioso foi flagrado por um morador da paróquia fazendo sexo com duas mulheres em cima do altar da igreja. O episódio aconteceu em 30 de setembro, mas apenas nesta sexta-feira (9) ganhou as manchetes da imprensa internacional.


O flagrante aconteceu casualmente. Um morador da região passava próximo à igreja e achou estranho o fato das luzes interiores estarem acesas durante a madrugada. Foi quando decidiu se aproximar para ver o que estava acontecendo. E qual não foi a surpresa ao ver que dentro da igreja, mais precisamente no altar, estava o padre Travis Clark, de 37 anos, e duas mulheres, praticando sexo grupal.

A testemunha registrou toda a cena como prova do acontecimento e em seguida acionou a polícia. O padre envolvido no sexo grupal foi preso, assim como as duas mulheres, sob a acusação de “obscenidade”, já que o altar, segundo a polícia, é “completamente visível da rua”.


Segundo documentos judiciais, as participantes da orgia — identificadas como Melissa Cheng, 23 anos, e Mindy Dixon, de 41 anos — vestiam espartilhos e botas de salto alto. Havia, inclusive, brinquedos sexuais, iluminação de palco e um celular montado em um tripé gravando tudo.


Mindy é atriz de filmes adultos e havia divulgado nas redes sociais, no dia 29 de setembro, que estava a caminho de Nova Orleans, onde fica a Igreja, para se encontrar com outra dominatrix “e profanar uma casa de Deus”.

Fonte: O Liberal