Notícias de Última Hora

Professor é decapitado na França após mostrar caricaturas de Maomé

O agressor foi morto pela polícia, segundo a Procuradoria Nacional Antiterrorista, que investiga o caso


Um homem foi decapitado, nesta sexta-feira (16), perto de Paris, capital da França.

O agressor foi morto pela polícia, segundo a Procuradoria Nacional Antiterrorista, que investiga o caso.


A vítima era um professor de história que mostrou caricaturas de Maomé em uma aula sobre liberdade de expressão, disse uma fonte policial à agência France-Presse.

O ataque aconteceu por volta das 17h, perto de uma escola.


A Polícia da cidade de Conflans Saint-Honorine, a cerca de 50 km ao noroeste de Paris, foi alertada sobre a presença de um indivíduo suspeito que rondava uma escola.

A Procuradoria Nacional Antiterrorista abriu uma investigação por “assassinato em conexão com uma empreitada terrorista” e “associação criminosa terrorista”.