Notícias de Última Hora

Colônia em Marte deve seguir as leis da Terra?

SpaceX declara que colônia em Marte não vai seguir leis da Terra


A SpaceX, companhia do bilionário Elon Musk, decidiu que seu projeto de satélites Starlink em Marte não vai reconhecer a autoridade ou soberania de nenhum governo da Terra.

A empresa dos Estados Unidos declarou que Marte será um “planeta livre”, não governado pelas leis terráqueas, quando a colônia planejada pela companhia iniciar seu funcionamento no Planeta Vermelho.


Esta afirmação foi encontrada nos termos de serviço ao consumidor em versão beta do projeto para criação dos satélites Starlink.

Os termos de serviço, que rapidamente foram compartilhados nas redes sociais, aparecem uma semana depois da SpaceX revelar seus planos para construir uma ampla constelação de satélites ao redor de Marte.


Com o título de “Leis aplicáveis”, a seção estabelece que o serviço da Starlink na Terra e Lua será regido pelas leis estabelecidas pelo estado da Califórnia, no entanto, em Marte, a empresa não vai reconhecer a autoridade ou soberania de nenhum governo da Terra.

“Nenhum governo com base na Terra tem autoridade ou soberania sobre as atividades marcianas”, diz uma cláusula da SpaceX.