Notícias de Última Hora

Presidente interino do Peru renuncia ao cargo

Merino enfrentava uma onda de protestos que pediam a sua saída do poder no Peru


Manuel Merino, presidente interino do Peru, renunciou ao cargo, neste domingo (15), após passar menos de seis dias no poder.

Merino enfrentava uma onda de protestos que pediam a sua saída. Nos últimos atos, duas pessoas morreram.


Em uma mensagem transmitida pela televisão, Merino declarou:

“Quero tornar público para todo país que apresento minha renúncia irrevogável.”

A renúncia de Merino deu início a uma celebração imediata nas ruas da capital Lima.


O Congresso deve agora nomear um novo presidente para tentar pacificar o país da América do Sul.

O Peru mergulhou em uma crise política quando o Congresso removeu o presidente popular Martín Vizcarra em um julgamento a jato na segunda-feira.