Notícias de Última Hora

Professor da Índia ganhou o “Prêmio Nobel de Educação” por libertar meninas do casamento precoce


O professor indiano Ranjitsinh Disale recebeu uma honraria equivalente ao Prêmio Nobel pelo maravilhoso trabalho que realiza: trazer de volta para a escola as meninas que seriam obrigadas a se casar antes de terminar os estudos.

O professor indiano Ranjitsinh Disale recentemnte recebeu uma honraria equivalente ao Prêmio Nobel, mas na área de Educação. Trata-se do Prêmio Professor global, que reconheceu o trabalho deste educador, que se destacou por transformar a vida de muitas meninas estudantes em Paritewadi, Maharashtra, oeste do país asiático.


Pela primeira vez em sua história, o evento de entrega do prêmio teve que ser realizado virtualmente devido à pandemia COVID-19. Isso não impediu que fosse reconhecida a obra de Disale, que lutou muito para que as crianças voltassem à escola.

Devido aos esforços deste professor, as meninas que se casariam antes mesmo de treminar os estudos, para evitar ser um fardo para suas famílias, foram capazes de retornar à escola. Disale foi de casa em casa e não desistiu até que as salas de aula estivessem novamente ocupadas.

Em seu discurso de vitória, Disale anunciou que distribuirá metade do prêmio em dinheiro ( US $ 1.000.000 ) para o restante dos finalistas selecionados entre os 10 primeiros do concurso. Dessa forma, cada professor receberá cerca de US $ 55.000 para continuar a realizar uma mudança no mundo da educação.

Com informações de UPSOCL